Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

ABRASAR

As crianças praticam desporto pelo prazer e pela satisfação que lhes proporciona e o ganhar é apenas uma parte da sua motivação. Nunca ralhem com os jovens por cometerem erros ou por perderem uma competição. "Treino de Jovens"

As crianças praticam desporto pelo prazer e pela satisfação que lhes proporciona e o ganhar é apenas uma parte da sua motivação. Nunca ralhem com os jovens por cometerem erros ou por perderem uma competição. "Treino de Jovens"

Acerta o passo Zé...

Acho que a alimentação de coca cola com sardinhas, anda a colocar o pessoal todo a bater mal, andamos todos desafinados e com o passo trocado por este país à beira mar plantado, e parece que vivemos numa espécie de banda desenhada com heróis de lhes tirar o chapéu quando fazem as suas tropelias…

Vejamos por exemplo este caso: recebi há pouco tempo um e-mail com o assunto “Professor Marcelo R Sousa descredibiliza o uso de bicicleta em Lx.”

Logo o professor uma pessoa de qual gosto de ouvir, só pode ter sido de comer muitas sardinhas com coca-cola nas festas populares de Lisboa. Pois segundo a informação que recebi o professor nas notas curtas do seu último programa, no dia 10 de Junho comentou o seguinte:

"Se há cidade onde não faz sentido defender a bicicleta com as sete colinas é Lisboa.
(...) Andar de bicicleta em Lisboa, teoricamente é impossível (...)".

Bem todos os anos existem eventos de cicloturismo pela cidade, alguns até tem a participação de colegas políticos do professor, eu próprio e o meu filho com oito anos ficamos a conhecer Lisboa como nunca o ano passado no evento do Lisboa Antiga, circulando por ruas, vielas, escadarias, praças e até visitamos o castelo de S.Jorge. Mas que comentário terá a realização doLisboa Bike Tour no dia 24 de Junho e do Porto Bike Tour no dia 22 de Julhocom as inscrições já encerradas de 10 mil e 6 mil respectivamente para cada cidade?

Acerta o passo Zé…

Outro caso interessante é a Ecopista de Famalicão até à Povoa de Varzim que até já serviu de estandarte em campanha eleitoral, mas que não passa da cepa torta, ou seja, anda a vapor e assim também não acerta o passo na era actual do Alfa pendular…

Mas para este assunto aqui vai na imagem abaixo a notícia saída no público de 10 de Junho. Com a nota do também desinteresse de certas câmaras do Douro e Alentejo pelos projectos da Refer.

Entretanto houve uma carta que circulou pela net a pedir explicações à câmara de Famalicão porque que motivo a ecopista parou, e encheu a caixa de correio da câmara de Famalicão, dizem que andam muito arreliados lá por aquelas paredes dos gabinetes da referida edilidade…

Acerta o passo Zé…

 

Já estou farto de acertar o passo, por isso é que troquei o passo pelas rodas da bicicleta, é mais fácil e é sempre a rolar…


 

 

O maior paredão da Europa.

Resolvi hoje meter a minha colherada num assunto que nada percebo, afinal nos tempos que correm parece ser moda e já é comum todos criticarem a poda sem nada saberem de vindimas. Digamos que a nossa sociedade saiu de uma obscura "servobediência" e saltou para a época da "iluminância" onde todos são génios nas artes que não dominam. Ora sendo assim também me sinto no direito à minha quota de genialidade actual.

Por conseguinte venho por este meio comunicar com as elites deste País, para se deixarem de se esforçar de tão nobre e patriotica causa no desenvolvimento e autorização de meios civis com construções de edifícios de habitação, para proteger a nossa costa marítima.

Vista Atlântico.

Sim, eu sei ser muito difícil de perceber ao cidadão comum (como eu) que construir nas dunas de areia na primeira linha do mar é uma forma futura de proteger o litoral.

Percebi isso depois de ver e tirar as fotos que publico. Tive um rasgo de iluminância actual (raro no meu caso), e percebi a genialidade das nossas elites, difícil de atingir claro pela maioria do povo.

Não circule nas dunas. Construa só...

Passo a explicar:
Toda a gente já sabe que por motivo do aquecimento global, as águas do mar estão a subir, então numa espectacular visão futurologista as nossas visionárias elites autorizam as construções de habitação e outras, nas zonas mais sensíveis ao avanço do mar.

Futuros paredões.

O objectivo é simples, quando o mar avançar é barrado por essas construções, autênticos paredões, já não é preciso transportar entulho e pedras da pedreira mais próxima para construir frágeis e ineficazes diques com todos os encargos que isso envolve para o erário público. Toda a matéria prima já se encontra no local bem solidificada, e construída por privados, que durante anos pagaram impostos no valor que provavelmente pagam possíveis futuras indemnizações.

Permitido só construir...

Sei ser difícil de entender e de engolir esta engenharia económica aos tótós como eu que gostamos das coisas da natureza e de curtir umas ondas em praias...

Por este caminho em breve ficamos com uma costa emparedada sem praias e sem ondas!!! Não pode ser, vivemos numa democracia, os gajos do surf tem direito à sua razão. Com um caneco parem lá de fazer esses entraves ao avanço do mar, senão deixamos de ter praias para termos o MAIOR PAREDÃO DA EUROPA.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Escola de ciclismo

Clicar para ir ao site

Clicar para ir ao site

Links

Baú do Abrasar

Tempo, o mais visitado.

Entidades. Os oficiais.

Competir, outros Spots.

Sábios do ciclismo.

Experts no On line

Escolas de Ciclismo

BIKE POLO

Movimento bicicleta

Organizadores das provas

Atletas. Paixão pelo máximo.

Competir? Também, claro.

Treino - Oficina

Fóruns. blá, blá...

Favoritos.

Duros das Single Speed

Pedalar, um vício.

Amantes da Montanha.

Agua, a razão de tudo.

Fervorosos Activistas

GPS

Mapas

Turismo - Itinerários

Favoritos por aí perdidos.

Comerciais. Os Sortudos. ;)

Material usado.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D